Travessias

Juliana Borzino

Bolsa parcial

Fire, 2011

Datos del proyecto / dados do projeto

Meu projeto se pauta nos estados de tempo e espaço temporários, onde através do meu deslocamento, busco recolher vestígios, relatar percursos, reordenar memórias, criando assim cartografias de escape.
Utilizarei o diário de viagem, que irá se compor de imagens, escritos, objetos e sons, evidenciando os lugares por onde eu passar. As diferentes maneiras de locomoção da cidade até a residência me permitirão experimentar estados temporários de travessias, como a locomoção pelo ar (avião) e por terra (ônibus e o caminhar).
O diário terá início no meu local de partida, a cidade do Rio de Janeiro. Onde pretendo enunciar trajetórias dentro da cidade, partindo do mesmo processo citado à cima, até o destino da residência, e a volta da mesma. Travessias do sensível, propõe o movimento da cidade para o campo, e como a mudança da paisagem, a desaceleração do tempo, a volta à terra e a experiência do acaso interferem no processo. Durante a residência acredito que o diário de viagem irá se expandir para a paisagem, através de pequenas intervenções no espaço, que se articularão no momento. Habitar temporariamente permite diferentes mobilidades de tempo para conviver, contemplar e criar.
Como parte da proposta da residência, pretendo escrever parte do diário na língua local, em espanhol, assim poderei contar com a ajuda dos residentes. Juntamente com o diário, pretendo coletar relatos de trajetórias dos participantes da residência, podendo também compartilhar as minhas experiências.

Propuesta de taller o actividad con la comunidad / Proposta de oficina ou atividade para a comunidade

A proposta de atividade a ser realizada, será uma caminhada coletiva pelo espaço do campo, onde acredito que surgirão diversos apontamentos e trocas à respeito da experiência vivenciada em conjunto, mas com particularidades de percepções de cada participante.
A proposta de caminhar abrange não só o deslocamento físico e mental, mas também a observação/contemplação da paisagem, e do em torno, suscitando compartilhamentos do imaginário de cada um, para além do que se vê.
Pretendo disponibilizar materiais de registro para os participantes, como câmeras fotográficas e pequenos cadernos para o desenho ou a escrita, como for de escolha de cada um.

Andarilho, 2011
Sueño Negro, 2011
Linha, 2012

Sobre o artista

Formação
Licenciatura em Artes Plásticas (Universidade Federal do Rio de Janeiro – UFRJ) e Escola de Artes Visuais do Parque Lage

Profissional
Arte Educadora (MAC-Niterói, C.C.dos Correios, C.C.Hélio Oiticica, Oi Futuro), assistência de curadoria e pesquisa (Projeto Pedregulho de Residência Artística, Lastro - Intercâmbios livres em arte)

Exposições Coletivas
2012
Lunáticas – Plano B Lapa, Rio de Janeiro
Neblina Colagem - Neblina, Rio de Janeiro
2011
Plano Sequência: música/artes/experimentações – Plano B Lapa, Rio de Janeiro
Conversa de Artista – Amarelonegro Arte Contemporânea, Rio de Janeiro
(Fotografia)³ - Galeria Luciana Caravello Arte Contemporânea, Rio de Janeiro
Coletiva. 2 – Lapa, Rio de Janeiro
2010
Coletiva En mi corazón – Lapa, Rio de Janeiro
El hotel eléctrico - La Cucaracha, Rio de Janeiro
2007
DiVerCidades – FotoRio, Rio de Janeiro