convocatória

Das Inscrições

1.1. Podem inscrever-se artistas naturais ou residentes há mais de dois anos nos países da América do Sul.

1.2. As inscrições deverão ser enviadas via formulário on-line pelo site terrauna.org.br entre os dias 15 de dezembro a 20 de janeiro de 2011.

1.3. No ato da inscrição o artista deverá indicar a ordem de preferência entre os 3 países. Os primeiros selecionados terão preferência na escolha. Durante o Interações Florestais em Rede serão oferecidas 3 bolsas em Terra UNA, 3 no Centro Rural de Arte e 3 em Residência en la Tierra.

1.4. É vedada a inscrição de artistas para o próprio país onde residam. Brasileiros não podem concorrer para a bolsa no Brasil, nem argentinos para a bolsa na Argentina, nem colombianos para a bolsa na Colômbia. Artistas brasileiros que sejam selecionados no Prêmio Interações Florestais Brasil não poderão receber bolsa de residência pelo Interações Florestais em Rede tendo que optar por umas das duas.

1.5. Na inscrição o artista deverá enviar pelo formulário on-line: a descrição do projeto a ser realizado (de 300 até 1000 caracteres), descrição da vivência ou oficina oferecida à comunidade local (de 300 até 1000 caracteres) e resumo curricular (de 300 até 1000 caracteres) e de uma a quatro imagens jpg (700 x 525 pxl). Caso tenha, também poderá enviar link para site próprio e/ou vídeo postado na internet. A inscrição deverá ser feita no idioma do artista (português ou espanhol) e preferencialmente traduzido ao outro idioma (português ou espanhol) para facilitar o intercâmbio entre os projetos.

1.6. Para a residência serão aceitos projetos autorais compreendidos no campo da arte contemporânea considerando a transdisciplinariedade entre linguagens e áreas do conhecimento (artes visuais, arquitetura, dança, cinema, música, tearto, etc). Se fomenta especialmente projetos ligados ao cuidado e preservação do meio ambiente e trabalhos que estabeleçam diálogos com a natureza.

1.7. Todos os projetos submetidos deverão conter uma proposta de atividade de interação com o a comunidade local (vivência, oficina, palestra, conversa, mostra,criação conjunta, etc.). Esta atividade pode fazer parte do projeto artístico ou ser paralela a este.

1.8. Os projetos deverão ser concebidos de forma a respeitar o ecossistema local, não poluindo o espaço e arredores. Projetos que geram objetos ou instalações de caráter permanente (que ultrapassam o tempo da residência) estão sujeitos à avaliação e aprovação por parte dos organizadores.

Da Seleção

2.1. A seleção será coletiva feita pela internet e acompanhada por uma comissão formada por 2 representantes da Associação Terra UNA, 2 do Centro Rural de Arte e 2 de Residência en la Tierra. O material recebido será avaliado pela comissão. Todos os projetos inscritos que estejam de acordo com esta convocatória serão disponibilizados em terrauna.org.br no prazo de até 30 dias antes da seleção final.

2.2. A seleção será feita pela internet, no site do projeto. Cada artista inscrito deverá indicar 9 projetos. Ao participar da seleção, automaticamente, o participante receberá uma (1) indicação para seu projeto.

2.3. Os membros da comissão de seleção deverão indicar 10 projetos, sendo que suas indicações têm peso 3. A comissão decidirá também em caso de empate e qualquer questão extraordinária.

2.4. O resultado final apurado será publicado na página terrauna.org.br. Os projetos com mais indicações participarão das residências e receberão um pró-labore equivalente a 190 euros em moeda local.

2.5. Critérios de votação. Para ajudar no processo de seleção formulamos alguns critérioas que podem servor para orientar a escolha no momento da votação e também que podem ser levados em conta no momento da inscrição e formulação de projetos.

QUALIDADE: Os textos e imagens apresentam a proposta com clareza, objetividade e coerência.

VIABILIDADE: A partir do projeto (imagens e textos), do currículo, no tempo de 28 dias e por meio dos recursos disponíveis, é viável a realização da proposta.

PERTINÊNCIA: O projeto é pertinente levando em conta o contexto específico cultural e geográfico.

ORIGINALIDADE: É original na idéia, na forma e/ou no contexto.

AFINIDADE: É um trabalho com o qual você gostaria de colaborar.

DIVERSIDADE: Geográfica, cultural e lingüística: como um critério de desempate, sugerimos que você distribua suas indicações por artistas das diversas regiões do país e por projetos com mídias diversas, contemplando a diversidade de expressões e linguagens.

Do transporte

3.1. A organização de cada centro de residência responsabiliza-se por comprar as passagens aéreas e dar as indicações e prestar apoio à viajem por meios terrestres para que todos os participantes cheguem conforme o cronograma do projeto.

Da residência

4.1. O Interações Florestais em Rede prevê o tempo de vivência coletiva pelo período de 4 semanas disponibilizarando aos selecionados acomodações em quartos coletivos, área de ateliê e vivência coletiva, e três refeições por dia. Cada centro de residência tem uma dinâmica específica com especificidades que devem ser observadas:

Terra UNA

4.2. Considerando que esta é uma residência coletiva, os participantes deverão integrar-se em atividades cotidianas, como o preparo do alimento, manutenção e limpeza do local. Ampliando a vivência coletiva no espaço da Ecovila, os artistas participarão do dia-a-dia da mesma experimentando a vida comunitária podendo ajudar no manejo das hortas, pomar e sistemas agroflorestais, entra outras atividades.

4.3. Terra UNA disponibilizará suas instalações para os artistas realizarem seus trabalhos, sendo estes: o Ponto de cultura e Sustentabilidade em Liberdade; e as instalações da Ecovila: ateliês, áreas de convivência coletiva, 43 hectares de território (sendo 18 destes de mata nativa), e seis quedas d´água. Não oferecendo, no entanto, os materiais e demais ferramentas e/ou equipamentos para a execução dos projetos, que são de responsabilidade dos artistas.

4.4. Não é permitido na área da Ecovila o consumo de carne e álcool. O fumo do tabaco é tolerado apenas ao ar livre, fora das áreas de convivência.

4.5. Participarão da residência juntamente com os artistas selecionado artistas brasileiros com bolsas do Interações Florestais 2011. Ao final do período haverão atividades abertas ao público em geral na Ecovila.

CENTRO RURAL DE ARTE

4.6. O CENTRO RURAL DE ARTE trabalha de maneira eventual e nômade, e propõe para cada atividade um local de instalação particular. O projeto Interações Florestais en Red será desenvolvido na Residência Inacayal, localizado na cidade de Villa La Angostura, Província de Neuquén. Esta aldeia montanhosa está localizado dentro do Parque Nacional Nahuel Huapi, e entre as encostas do Cerro Bayo (1.782 metros), Inacayal (1.849 metros) e Belvedere (1.992 metros). A Residência Inacayal está a 2 km do centro da cidade. Em uma caminhada de quinze minutos de distância está o Parque Nacional Arrayanes que foi criado como parque nacional independente para preservar esta espécie em particular. Outros centros urbanos próximos à Vila são San Carlos de Bariloche Villa 82 km e San Martin de los Andes, 100 km.

4.7. O CENTRO RURAL DE ARTE na Residência Inacayal fornecerá hospedagem em habitações compartilhadas, espaços de trabalho e alimentação. Contudo, não oferece materiais, ferramentas e e/ou equipamentos para a execução dos projetos, que são de responsabilidade dos artistas.

4.8. O CENTRO RURAL DE ARTE está particularmente interessado na base territorial dos projetos artísticos, tendo em conta as problemáticas ambientais da área. Por exemplo, nos últimos 30 anos foram perdidos 70% de mata nativa existente no 8.000 hectares que compõem o setor urbano de La Angostura. Em poucos anos, a destruição das florestas e a falta de reflorestamento pode trazer sérios problemas ambientais, causando, entre outros, inundações e deslizamentos de terra. Nesse sentido, CENTRO RURAL DE ARTE ajudará na articulação com organizações locais para coordenar ações conjuntas com os artistas.

4.9. No final do período de residência será realizado uma jornada aberta ao público para compartilhar o processo de trabalho em Interações Florestais en Red. Além do projeto pessoal é esperado que os artistas abordem, coletivamente, os possíveis formatos da mostra.

4.10. Durante o período de residência, outras ações implementadas pelo CENTRO RURAL DE ARTE podem ocorrer em paralelo.

Residencia en la Tierra

4.11. Os residentes vão participar das atividades diárias de Residência en la Tierra, de acordo com seus interesses e necessidades próprias do lugar. Entre as atividades a serem desenvolvidas estão aquelas relacionadas ao laboratório para reciclagem, compostagem, tarefas domésticas como organização, limpeza e cozinha, trabalho no Centro de Documentação, cuidados com o jardim, entre outros.

4.12. Os residentes poderão desenvolver seus trabalhos nos espaços oferecidos por Residência en la Tierra: o atelier Aranha, casa-atelier, salão principal, área de piscina e espaços abertos de acordo com as regras do lugar. Os materiais e ferramentas para desenvolvimento do projeto serão de de responsabilidade e por conta dos residentes.

4.13. Algumas recomendações para a estada em Residência en la Tierra são: fazer bom uso do mobiliário,livros e documentos do Centro de Documentação; é permitido fumar em áreas abertas, mas não se deve jogar cigarros no corredor ou no jardim; cada residente é responsável por manter seus pertences pessoais em ordem; os rádios e gravadores deve ser utilizados em volume baixo para não interferir com o trabalho dos outros.

4.14. A Residência en la Tierra é um lugar aberto e inclusivo, de modo que durante o período de residência poderá haver outros artistas e pessoas interessadas em projetos que são desenvolvidos simultaneamente.

Responsabilidades dos participantes

5.1. Cumprir o prazo de desenvolvimento do projeto, chegando no dia estipulado e permanecendo durante todo o período da residência.

5.2. Providenciar materiais, ferramentas e/ou equipamentos necessários para a execução de seu projeto.

5.3. Focalizar uma atividade de interação (vivência, oficina, palestra, conversa, mostra, etc.) na comunidade local.

5.4. Disponibilizar obras ou o registro de trabalhos para página na internet, blog, publicação impressa e/ou exposição quando houver.

5.5. Ceder o uso de sua imagem e trabalhos produzidos assim como o uso de registros em foto, vídeos e textos para o uso educativo ou para divulgação das atividades de Terra UNA, Centro Rural de Arte e Residência en la Tierra.

Responsabilidades dos centros de residência

6.1. Disponibilizar infra-estrutura de alojamento e área de trabalho, e fornecer alimentação durante o período da residência.

6.2. Pagar o pró-labore equivalente a 190 euros em moeda local a cada projeto selecionado.

6.3. Avaliar e decidir sobre a realização e/ou permanência de projetos de caráter não-efêmero.

6.4. Comprar passagens aéreas e orientar o transporte até os locais de resiência.

6.5. Decidir sobre casos omissos.

Cronograma

Inscrições: 15 de dezembro 2010 a 20 de janeiro 2011
Votação: 22 de janeiro a 20 de fevereiro 2011
Resultado: 23 de fevereiro 2011

Períodos de residência

Argentina: 14 de abril a 11 de maio 2011
Brasil: 16 de maio a 12 de junho 2011
Colômbia: 20 de junho a 17 de julho 2011

Informações

terrauna.org.br