RESIDÊNCIA ARTÍSTICA Terra UNA

Interações Florestais 2011

pró-cura em cri/ação



De: Carolina Pinzan Dias de Souza

Ação, SP

A Proposta

A presente proposta é a realização, ao longo de toda a residência Terra Una, de uma performance vivencial onde a artista deverá trocar e executar espaços de cura e criação com os artistas presentes. A idéia é, a partir de pesquisa em arte e espiritualidade que a artista vem desenvolvendo há cinco anos, criar espaços e tempos rituais-criativos onde ela e o outro artista (pensando que todos deverão passar por esta zona) experienciarão algumas práticas e farão uma investigação sobre limites existencias de ambos que necessitam de cura e/ou transformação, elaborando juntos um ato artístico-simbólico imantado desta força e intento de cura. Feita a elaboração os artistas deverão executar tal performance ritual, considerando que para sua composição e ação criativa e artística terão como opção todo o arcabouço de linguagens que operam em suas pesquisas artísticas. Assim, a ação performática será em si uma realização, mas poderá também gerar outros frutos criativos, como textos, músicas, fotografias, vídeos, etc. Além disso, a artista criará diário pessoal de experiência confeccionado através da fotografia, de composições sonoras e da poesia.

Interação com o Ponto de Cultura

Para a interação com o Ponto de Cultura a artista pretende desenvolver uma vivência com a comunidade que tenha também um propósito artístico-terapeutico, nela serão executadas diversas práticas e vivencias artísticas e corporais, inspiradas pelo encontros estabelecidos dentro da Residência Terra Una e também propostas a partir do contato da artista com a comunidade. Neste caso a vivência deverá ser coletiva e integrará também o quadro de confecções que irá compor o diário pessoal de experiência da artista.

Mais informações em www.coletivourubus.blogspot.com

Sobre o artista

Formação Acadêmica
Artes Cênicas / Bacharelado / Habilitação em Direção Teatral, Escola de Comunicação e Artes da Universidade de São Paulo (ECA-USP).
Jornalismo / Cásper Líbero – interrompida.
Colégio Técnico em Desportos – Colégio Radial.

Atividades Profissionais
Artista integrante do coletivo multidisciplinar URUBUS.
2005/2006/2007/2008/2009/2010
- idealização, concepção, produção e performer do Projeto ÁRVORE.
www.coletivourubus.blogspot.com

2010
- Ministrante de oficina de expressão corporal e intervenção urbana no Projeto Ecoarte, em novembro de 2010 na cidade de Floriano – PI.
- Arte-educadora do Programa de Educação Ambiental da Petrobrás (Gasan) em setembro e outubro de 2010.
- Concepção e performer do espetáculo Diálogos Elementares, apresentado no EI!2010 em agosto de 2010 no Centro Cultural São Paulo.
- Ministrante de oficina de expressão corporal – O corpo como potência expressiva, na IV Mostra Teatral “Eu sou daqui!”, em maio de 2010 na cidade de Floriano – PI.
- Artista contemplada pelo Edital de Arte e Patrimônio 2009 com o projeto entreExtremos – Projeto Árvore em residência, desenvolvido em São Raimundo Nonato (PI), constituído por imersão artística dentro dos limites do Parque Nacional da Serra da Capivara de janeiro a fevereiro de 2010 e intervenções performáticas realizadas em cidades do PI e em SP.

2009
- Artista contemplada pelo Prêmio de Interações Estéticas – Residências Artísticas em Pontos de Cultura; residiu de abril a julho na cidade de Floriano (PI), onde desenvolveu galho do Projeto Árvore, ministrando 3 meses de oficinas em performance art e intervenção urbana e concluindo com a realização da 1ª Mostra de Intervenções Performáticas da cidade.
- Professora de Interpretação e Expressão Corporal da Escola Técnica de Teatro da Cidade Cenográfica, pontão cultural “Cultura Viva ao Alcance de Todos”, da cidade de Floriano – PI, de abril a julho.
- Ministrante de Oficinas de Interpretação e Direção Teatral nos Pontos de Cultura: Arteviva, Picos – PI; Arte na Praça, Guaraciaba do Norte – CE; Laborarte, São Luis – MA; Arte sobre rodas, Senador Pompeu – CE.

2008
- Atriz do espetáculo multimídia Devorando Quixote, com direção de Márcio Pimentel e Marcelo Dênny, contemplado pelo edital para Projetos Inéditos do Sesi/SP, e em cartaz pelas unidades Sesi do interior paulista.
- Atriz do longa-metragem Filmefobia, dirigido por Kiko Goifman, em fase de filmagem com estréia prevista para 2008.
- Atriz do curta-metragem Ilha, dirigido por André Uesato, contemplado pelo Programa Petrobrás de Cultura.

2007/2008
- Iluminação e operação de luz do espetáculo infantil, contemplado pelo Programa de Apoio à Cultura (PAC), A Casa de Tijolos, de Joaquim Bittencourt, em cartaz nos CEU’s, no Teatro Oficina, e contemplado pela Viagem Teatral Sesi, em cartaz nas unidades Sesi do interior paulista.

2006
- Atriz/performer do espetáculo de dança-teatro Protótipos, em cartaz na Galeria Olido, com direção de Maria Mommensohn, do grupo CIA MINIK MOMDÓ.

2005/2006
- Membro da equipe de direção do grupo Teatro da Vertigem e diretora de cena do espetáculo BR3, em cartaz no Rio Tiête.

2004/2005
- atriz do espetáculo ERGONÔMICA/EVERGREEN, em cartaz de maio a julho de 2005, na Casa das Caldeiras.
- Performance no evento Hipersônica/FILE (Festival Internacional de Linguagem Eletrônica).
- Performances na pré-estréia e lançamento do Núcleo Cultural Casa das Caldeiras.
- Performance no do Núcleo Cultural Casa das Caldeiras.
- Performance de divulgação do espetáculo ERGONOMICA/EVERGREEN, na Casa das Caldeiras.
- Residente teatral e produtora do Núcleo Cultural Casa das Caldeiras.
- Direção artística do Premio USP de Comunicação Corporativa – SESC PINHEIROS.
- Curadoria e produção do encontro artístico “O artista cênico em tempos de terrorismo” com espetáculos do grupo Lume, do diretor Marcelo Lazaratto, da Cia. Barracão (Campinas), entre outros, na Casa das Caldeiras.
- Concepção do espetáculo V. Sob orientação de Antonio Araújo e Roberto Moreira, em cartaz no Teatro Laboratório da Escola de Comunicação e Artes/USP.
- Participação no seminário sobre arte contemporânea ILHAS DE DESORDEM na Escola de Comunicação e Artes da USP.
- Diretora integrante do Núcleo Pomba-Gira – Paço das Artes /USP.
- Concepção do espetáculo “sem titulo” sob orientação de Antonio Araújo, em cartaz no Teatro Laboratório da Escola de Comunicação e Artes/USP.

2003
- Montagem de “A cantora careca” – Ionesco sob orientação de Antonio Araújo, Maria Thais e Eduardo Vendramini, em cartaz no Teatro Laboratório da Escola de Comunicação e Artes/USP.
- Atuação e Direção da montagem “Blasted” – Sarah Kane sob orientação de Antonio Januzelli e Armando Sérgio, em cartaz no Teatro Laboratório da Escola de Comunicação e Artes/USP.
- Atriz do espetáculo “Solos in media res” direção de Rafael Truffaut, em cartaz no Teatro Laboratório da Escola de Comunicação e Artes/USP.
- Atriz do espetáculo “Alceste”, de Eurípedes, com direção de Ivan Andrade, em cartaz no Teatro Laboratório da Escola de Comunicação e Artes/USP.
- Dublagem no studio Effects de várias produções cinematográficas nacionais, entre elas, Caminhando nas nuvens e Carandiru.

2002
- Assistência de direção da peça “Uma lição longe demais”, com direção de Eduardo Silva – Teatro Crowne Plaza.

2001
- Integrante do grupo de discussão sobre teoria teatral com Ariela Goldman e Bosco Brasil.

Comentários

1. Tiago Folador Galter
02/02/2011 12:28
Tô vivenciando aos poucos este mundo vasto da performance, muito obrigado por conpartilhar tal obra...
2. Renata Borges
28/01/2011 21:28
Poizé, essa ligação entre arte e cura está fazendo cada vez mais sentido para mim agora... Tenho me confrontado com alguns questionamentos e desejos e me parece que cada vez mais sou levada a práticas mais terapêuticas... No meu caso ainda rola aquele medinho... Será que vou conseguir ainda assim trabalhar com arte? Procuro não me apegar a essa questão e apenas deixar fluir... ver o que acontece. Fico feliz em encontrar pessoas que conseguiram, isso me alimenta.
Muito boa sorte, Carolina. Quem sabe nos vemos lá para trocar...! Estou curiosa com seu processo.
Beijos
Renata
3. deborah cimini cancela da silva
28/01/2011 18:23
perdão carolina, fiquei com o nome da Amanda que tá aqui em baixo, na cabeça, risos, mas é isso aí! beijo grande.
4. deborah cimini cancela da silva
28/01/2011 18:20
oi Amanda,

essa ligação entre arte e a cura(em seu aspecto mais amplo e profundo) faz todo sentido... pra mim talvez o único. Intento!!
amor e luz...
5. Amanda Freitas
24/01/2011 22:34
Esses trabalhos com pinturas corporais são ótimos, performances interventivas em contextos urbanos...Linda a imagem do ipê rosa...Sua proposta me lembra a Psicomagia do Jodorowski, passada toda aquela morbidez do seu aspecto cineasta, ele tem uma atuação fantástica com o cabaré místico, utilizando o tarot e a psicomagia, conceito cunhado por ele, que é também um livro...é simplesmente fantástico. Fiquei curiosa: Ele é uma referência para você?

Esse aspecto da ritualização como processo de cura tem muita proximidade com as minhas investigações com a arte, embora eu evite este termo CURA, no momento de conceituar.
acabo separando um pouco alguns aspectos...

Boa Sorte!
Luz.
6. Khalil Charif
13/01/2011 16:42
Corpos pintados, estranhamentos, aproximações, pessoas, pessoas, pessoas,
"Corpos cobertores" na Oscar Freire... o que é aquilo no restaurante?!!! E no final, em cima do Carro!!! (aquilo foi Liiiiiiindo!!!!)
Pessoal, tem que ver!!!!!!!!!!!!!!!

E o vídeo"Meninas Muito Loucas na Pç da República - Virada Cultural)?!!... quase 8000 acessos?!!! Verdadeiro Fenômeno Cultural no You Tube!!!rsrsr

Vitalidade! Provocação! Arte! Arte! Arte!!!
Parabéns!!!

(Volto!... pra falar do projeto, não esqueci não...rsrsr)
7. Gilio Mialichi
10/01/2011 20:10
Oi Carolina

Quanta proposta inscrita de qualidade...cada um com sua poética, objetivo e conhecimento adquirido durante a vida...

Aqui todos temos muito a oferecer e aprender também...e é por isso que estamos juntos nessa.

Aproveito para convidar aos que ainda não visitaram e apreciaram os projetos para fazê-lo. Vale muito a pena...pessoas novas, conhecidos, dúvidas, poéticas semelhantes,surpresas, emoções....diversidade!!!

Minha proposta inscrita é "Homocrisálida"... passem por lá e registrem suas impressões.

Também tenho um blog com imagens de outros trabalhos que contam um pouco da minha história artística. Se puderem visitem:

gilioarte.blogspot.com

Escrevam.......... gmialichi@hotmail.com

Até

Gilio Mialichi
8. Gilio Mialichi Neto de Oliveira
08/01/2011 12:43
Olá Carolina, bom dia

Você buscou nas origens da performance com os ritos antigos e tribais e propõe toda essa pesquisa no nosso mundo contemporâneo.

Essa ligação resgata essas origens e ao mesmo tempo reinventa. Curas. Quem não precisa de uma?

Boa sorte com o "Pro cura em cri ação"

Gilio Mialichi
9. Flávia Paiva
07/01/2011 23:00
sua proposta tem diálogo com o trabalho de uma artista que conheço ' samira borovik' onde tem esse relação com a arte e cura, ela foi a minha grande mãe nas artes do corpo.
Vi no blog que vc também participou do 'praia na paulista' eu também estava lá' que dia lindo hein, curti a atitude do coletivo! agora com a censura que está rolando por lá a praia será que seria tbém censurada? rssrsr aiaiaai questões politicas atuais! rsrsrs
enfin..
afinidades...